Fotografia do "Rio Cávado, no Gerês"

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

2008 - Cavalinhos da minha alma...

"Não é entre as quatro paredes dum picadeiro que se formam os caracteres audaciosos de que a Cavalaria tem necessidade; é no exterior, montando na dificuldade, em obstáculos e na velocidade, que se adquire a indiferença do perigo, o hábito de dominar as suas emoções, de tomar decisões rápidas, que se adquire sangue-frio, sinal evidente duma vontade forte que nos põe a coberto de qualquer desfalecimento de surpresa."
No centro Equestre do Mezio utilizamos preferencialmente a raça equina Garrana nas nossas actividades, contribuindo para a sua divulgação e preservação. Os garranos são uma raça muito antiga de cavalos de pequeno porte (até 1,35m ao garrote), descendentes dos cavalos existentes na pré-história no território português, representados nas pinturas rupestres da era Paleolítica. A raça garrana, uma das raças portuguesas, autóctone nas montanhas do Parque Nacional Peneda-Gerês, encontra-se ameaçada de extinção. O garrano é dócil corajoso, muito adaptado á dureza dos caminhos de montanha, é firme tanto a subir como a descer e especialmente cuidadoso com as pedras e obstáculos: o cavalo ideal para os nossos trilhos e excelente para trabalhar com crianças.
Por ser uma raça muito antiga e adaptada às zonas frias e húmidas de montanha, estes cavalos vivem em liberdade durante todo o ano, sendo frequentemente apelidados de "cavalos selvagens".





2 comentários:

FUMADOR disse...

bonito blog, passe pelo meu tb estou a começar.

Cila disse...

Olá...obrigado pela visita.
Lindas imagens que por aqui tem...o nosso Portugal é de facto magnifico...

Beijo